Os servidores da CaminhoWeb são configurados para atender a maior parte dos sistemas mais populares utilizados atualmente para gerenciamento de sites e lojas virtuais, entretanto, existem alguns sistemas específicos que precisam de configurações incomuns para funcionar corretamente.

Alguns sistemas exigem, por exemplo, a ativação de recursos específicos que quando ativados podem prejudicar o funcionamento de outros sistemas no mesmo plano de hospedagem.

Para resolver este problema os servidores da CaminhoWeb permitem que cada aplicação tenha seu próprio arquivo php.ini. Deste modo é possível configurar recursos específicos como tamanho máximo de upload de arquivo, tempo máximo de execução de scripts dentre outros parâmetros.

Para que seja possível a leitura de um novo arquivo de configuração (php.ini) em uma pasta abaixo da public_html é necessário setar um novo caminho para a variávei suPHP_ConfigPath através da utilização de um arquivo .htaccess.

Por exemplo, suponha que eu tenha 2 sistemas e as configurações de php exigidas pelo sistema que está na minha pasta /home/LOGIN/public_html/sistema2 não são compatíveis com minha configuração (padrão ou não) do sistema1.

Neste caso posso utilizar um arquivo php.ini dentro da pasta “ /home/LOGIN/public_html/sistema2” para que as configurações do sistema2 não interfiram nas outras pastas da minha área de hospedagem. Para isso eu preciso criar um arquivo “.htaccess” dentro da pasta “/home/LOGIN/public_html/sistema2” com a diretiva “suPHP_ConfigPath    /home/LOGIN/public_html/sistema2 ” dentro deste arquivo.

Assim eu passarei a ter dentro da pasta /home/LOGIN/public_html/sistema2 um arquivo chamado .htaccess com o seguinte conteúdo:

 suPHP_ConfigPath    /home/LOGIN/public_html /sistema2

Feito isso basta criar um arquivo php.ini com os parâmetros necessários para a aplicação 2 e copia-lo para a pasta /home/LOGIN/public_html/sistema2

Deste modo o sistema2 passará a ter seus parâmetros de php personalizados e isso não irá interferir nos parâmetros dos demais sistemas hospedados no plano de hospedagem.

Este mesmo procedimento pode ser realizado para a pasta raiz (public_html) caso sua aplicação esteja nela ou para qualquer outra pasta da sua hospedagem.